A Viagem Necessária. Isabel Gouveia

Se buscarmos olhares de aprovação, quem irá aprovar os

nossos actos? Se buscarmos olhares de aprovação,

perdemos nosso tempo precioso, ficaremos horas, dias,

meses, anos, analisando nossas rugas de expressão,

nossas falas,

nossos gestos,

que provocam desagrado, ou ódio, ou repulsa.

Não imploramos o amor dos outros. Nem sempre é maldita

a provação do abandono. Pode ser essencial

para atingirmos a tempo a linha de chegada.

Nunca choremos pelo amor dos outros, que as lágrimas

perturbam a visão e apagam o fiel traço contínuo

da missão de que formos incumbidos.

 

Isabel Gouveia,

Na Voz da Esperança Há Lágrimas.

Poesia Completa. Lisboa, Alétheia Editores, 2012. p. 413.